Está a chegar a hora da decisão final, continuemos atentos!

Até 15 de Outubro (data limite para os pareceres das Assembleias Municipais serem entregues na Assembleia da República) terá de haver uma votação na Assembleia Municipal de Gaia sobre o novo mapa das freguesias de Vila Nova de Gaia!

 

Se tal não acontecer até esse dia, será a Comissão Técnica da Assembleia da República que a partir de Lisboa e provavelmente olhando para o Google Map fará a nova divisão administrativa de Gaia, seguramente desenhando um concelho a “régua e esquadro” e com apenas 11 a 12 freguesias.

 

Pela minha parte não concordo com os prossupostos em que assenta esta reforma, creio que ela é mais um erro deste Governo e em particular do ministro Relvas, mas como a lei está em vigor, entendo que mais vale sermos nós gaienses a reorganizarmos as nossas freguesias, do que uma qualquer Comissão Técnica formada por pessoas que de Gaia nada conhecem, sentados à volta de uma mesa e talvez com um computador na sua frente!

 

De acordo com uma votação realizado em Julho na AM Gaia, utilizando uma das possibilidades que a Lei nº22/2012 permite, o Concelho de Vila Nova de Gaia deverá ficar com 16 freguesias, contra as 24 atuais.

 

Mas se de 24 passarmos para 16 freguesias, naturalmente que isso não significa que serão 16 as freguesias que se manterão na sua configuração atual, pois as 8 que vão “fundir-se” terão de se juntar a outras, que assim terão a sua configuração igualmente alterada.

 

Ou seja, das 16 freguesias que irão constituir o “novo” Concelho de Gaia, só muito provavelmente entre 8 a 10 (tudo dependerá de haver ou não algumas fusões entre mais do que duas freguesias), manterão a sua configuração inalterada.

 

Avintes por toda a sua história, pela idiossincrasia dos Avintenses e até pela sua localização tem todas as condições para ser uma dessas freguesias que ficarão para o Concelho de Gaia - século XXI, com a sua independência administrativa e a sua integridade territorial. 

 

É este o meu desejo, tem sido esta a posição que venho defendendo sempre que participo em reuniões e debates onde o assunto é abordado, será neste sentido que votarei quando se realizar a Assembleia Municipal de Gaia.

 

Mas nem uma andorinha faz a Primavera, nem um voto é maioria, por isso continuemos todos atentos nos próximos dias.

 

Avintes em primeiro lugar!

 

publicado por Cip Castro às 18:45 | comentar | favorito